Bolsonaro tenta “fugir’’ de corrupção e atribui a partidos indicação de vice-líderes; PF flagrou senador com dinheiro na cueca

Bolsonaro tenta “fugir’’ de corrupção e atribui a partidos indicação de vice-líderes; PF flagrou senador com dinheiro na cueca

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (15) que a definição dos vice-líderes do governo no Congresso Nacional cabe aos próprios líderes partidários e não a ele.

A declaração foi dada durante transmissão em rede social, um dia após o senador Chico Rodrigues (DEM-RR), então vice-líder do governo Bolsonaro no Senado, ser flagrado com dinheiro escondido na cueca durante operação da Polícia Federal.

Nesta quinta, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou o afastamento do parlamentar do mandato, e Bolsonaro mandou remover Rodrigues da vice-liderança.

Em vídeo que circula nas redes sociais, o presidente diz a Rodrigues que os dois tinham quase uma “união estável”

Durante a transmissão na rede social, o presidente afirmou que Rodrigues era um parlamentar de “prestígio” contra quem nunca ouviu falar nada.

Bolsonaro voltou a afirmar, na transmissão, que “não há corrupção” no governo atual. Desta vez, porém, o presidente fez uma ressalva – e disse que, no termo “governo”, está incluindo apenas os ministros.

Com informações do G1

Compartilhar

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Skip to content